Segurança Data Analytics, Segurança e Privacidade

Data Analytics, Segurança e Privacidade

por:
Postado: .

 No nosso dia-a-dia, se escutarmos o termo “Analytics”, ou “Data Analytics”, provavelmente teremos dificuldade em vincular com qualquer atividade que realizamos, imaginando que provavelmente essa é alguma tecnologia obscura que grandes empresas utilizam com propósitos comerciais.
 
Na verdade, podemos definir o Data Analytics como a análise de grandes volumes de dados brutos de forma a estruturá-los para apoiar processos de negócio, tomadas de decisão e elaboração de estratégias, em um universo que nos rodeia em praticamente toda a nossa vida online e off-line, seja realizando compras, seja em nosso lazer, ou simplesmente navegando e compartilhando momentos em redes sociais.
 
Você já deve ter se perguntado como gigantes da internet, como buscadores, redes sociais ou outros portais e sites gratuitos ganham dinheiro. ”Anúncios”, dirão muitos. A resposta está correta, mas o segredo não é simplesmente a exibição dos anúncios e sim a qualidade proporcionada e o retorno obtido pelos anunciantes através da exibição dos anúncios de acordo com os hábitos, preferências e necessidades do público-alvo. Mais do que os anúncios, as informações sobre o que, quando e onde exibi-los são a chave para alavancar o sucesso de uma campanha.
 
Ao realizar uma busca de passagem aérea, por exemplo, manifestamos nossa intenção de realizar uma viagem. De repente, uma oferta de malas ou de aluguel de carros, aparece despretensiosamente ao navegar posteriormente em um site qualquer que exibe propagandas. Coincidência? Não, inteligência e estratégia aplicada aos negócios.
 
Os mais diversos tipos de redes sociais baseiam seus negócios na coleta de dados e criação de perfis de hábitos e gostos dos seus usuários, muitos incentivando e até remunerando seus usuários que disponibilizam conteúdo contínuo, atualizado e de qualidade.
 
Uma celebridade fitness, que atraia muitos seguidores para seus posts, é um chamariz para ofertas de suplementos alimentares e outros produtos a usuários que se identificam com esse universo, potencializando a possibilidade de retorno sobre os anúncios.
 
Mas isso é lícito? Normalmente sim. Ao utilizarmos tais serviços, e os termos de uso estabelecerem as diretrizes de uso e coleta de informações, estamos abrindo mão da nossa privacidade em troca dos benefícios oferecidos, viabilizando a continuidade da oferta gratuita dos mesmos. Esse tipo de informação muitas vezes é fornecida de forma indireta e cruzada, e consolidada a partir de diversas fontes, como sites, aplicativos para dispositivos móveis e serviços de busca.
 
Em sites de comércio eletrônico, o Data Analytics pode apoiar no envio de ofertas personalizadas via e-mail, anúncios e venda de produtos associados às pesquisas e compras do usuário. Ao se interessar por um produto, a loja pode oferecer ofertas combinadas, baseadas nas escolhas de outros usuários, por exemplo. Com isso, o sistema é retroalimentado, podendo também auxiliar nos sistemas de previsão de compra e controle de estoque da empresa, maximizando os lucros e aprimorando a eficiência operacional, o que é um diferencial em um mercado cada vez mais globalizado e competitivo.
 
Mas nem só de comércio e propaganda vive o Data Analytics. Política, medicina, até mesmo a negociação de ações na Bolsa de Valores são amparadas pela análise de massas de dados que, apoiados por algoritmos de inteligência artificial, aumentam a assertividade na predição de tendências, previsão de doenças e epidemias e podem ditar o futuro da economia.
 
Na área de segurança, a dinâmica dos cenários de ataque faz com que o uso de Analytics na prevenção a fraudes seja um importante aliado na análise de comportamentos suspeitos, desvios de perfil e indicativos de comprometimento dos dispositivos e dados dos usuários.
 
Agregando velocidade e assertividade, com a capacidade de analisar diversos canais eletrônicos e informações tanto históricas quanto em tempo real, o Data Analytics se apresenta como a grande aposta no desafio de garantir tranquilidade e segurança em um mundo cada vez mais conectado.
 

Tags: Segurança, Data Analytics, Analytics, Privacidade

Voltar